Chega de Sofrer
Shirley Carvalhaes

Se o mar bravio em sua frente está
O vento te sacode pra lá e pra cá.
Espinho no caminho faz você chorar
E desesperado pensa que é o fim
Acalme filho meu que irei te ajudar

Se estiveres triste clame o meu nome
Na hora da aflição eu vou te alegrar
Eu sou o Senhor que faz realizar
Coisas impossíveis se tornar possíveis
É só você me glorificar

E quando Jesus chega não tem pra ninguém
Acalma tempestade, derruba muralhas
Pra mostrar que Ele é Deus
Esmaga enfermidade com as suas mãos
Cadeias e algemas são arrebentadas
Pelo seu poder

Não, não resiste não
De tanto poder que está em suas mãos
Não, não resiste não
De tanto poder que está em suas mãos