Tempo
Shirley Carvalhaes

Hoje, olhando no espelho vi um sinal do tempo em meu rosto
Lá fora o tempo está passando
E eu aqui parado sem nada fazer
Preciso recompor o pensamento
Voltar ao meu primeiro amor
Mostrar com gestos, com palavras vivas
Que Jesus Cristo ainda é o Senhor

O tempo está passando e eu aqui parado sem nada fazer
Enquanto que lá fora seres como eu caminham a morrer
Tu tens em tuas mãos a solução
Eu tenho em minhas mãos a vida
E vamos juntos levar àqueles que precisam

É noite o céu tão estrelado e muitos em um quarto sem dormir
Precisam de uma palavra amiga
Que mostre o caminho a seguir
Milhões de criaturas pelo mundo
Envoltos em um cárcere de solidão
Carentes de uma força, de uma ajuda
De alguém que lhes conforte o coração