Eu não aguento solidão
Solteirões do Forró

Hoje eu quebro a mesa
Hoje eu tomo todas, vou me embriagar
Hoje eu entro em coma, baixo o hospital se agente não voltaaa.

Sem você não da mais pra viver
Eu sei que vou morrer nessa cachaça
Pra esquecer a paixão, que ainda doi aqui dentro do peito.
Doi demais solidão, que deixa agente entrege as baratas
Eu sei lá, ai de mim se eu continuar bebendo desse jeito.

Bebo, bebo, bebo, bebo, bebo, doido por você.
Desesperado, feito um bixu desgarrado, o que vou fazer.
Pra te esquecer.

(Refrão)
Hoje eu quero a mesa
Hoje eu tomo todas, vou me embriagar
Hoje eu entro em coma, baixo o hospital se agente não voltaaa.
Sabe por que?
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Não aguento solidão!

Sem você não da mais pra viver
Eu sei que vou morrer nessa cachaça
Pra esquecer a paixão, que ainda doi aqui dentro do peito.
Doi demais solidão, que deixa agente entrege as baratas
Eu sei lá, ai de mim se eu continuar bebendo desse jeito.

Bebo, bebo, bebo, bebo, bebo, doido por você.
Desesperado, feito um bixu desgarrado, o que vou fazer.
Pra te esquecer.

(Refrão)
Hoje eu quero a mesa
Hoje eu tomo todas, vou me embriagar
Hoje eu entro em coma, baixo o hospital se agente não voltaaa.
Sabe por que?
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Eu não aguento solidão,
Não não, não nãoo.
Não aguento solidão!