Quem Comigo Não Vive, da Minha Vida Não Sabe Nada.
Solteirões do Forró

Quem comigo não vive, da minha vida não sabe nada!

Ele chega no forró, pede pra entrar, bebe na minha mesa, não ajuda a pagar,
Se tô acompanhado ele não para de olhar, se viro as costas começa a falar:
Fala que eu sou liso, que só quero aparecer,
Tenho pinta de playboy, que não tenho o que comer,
Que o meu carro não é quitado e o banco quer tomar
Mas no final de tudo ele só sabe é falar!

Quem comigo não vive, da minha vida não sabe nada.