Eu e a Lua
Teodoro e Sampaio

Madrugada calada e fria, cidade vazia, Tudo é solidão
Pensamento a mais de mil por hora, A saudade devora o meu coração.
Feito louco andando pelas ruas Lá no céu a lua à me acompanhar
Essa paixão me arrasa, Só volto pra casa quando ela voltar.

Procurei por todos os lugares, Restaurantes e bares, Mas não vi meu bem.
Cheguei ligar pra sua casa Chamava, chamava não tinha ninguém.
O que fazer com essa agonia que fere, judia. Me deixando assim.
Óh lua, Faça o que puder, Encontre essa mulher E traga ela pra mim

Óh lua, Clareia e me ajude a encontrar Eu não sei ficar sem ela
E a saudade dela pode me matar
Óh lua, Essa paixão é minha vida Antes de raiar o dia,
Me traga ou me guia, onde ela está.