Porteiro
Teodoro e Sampaio

Porteiro me faça um favor
Abra esse portão ou interfone pra ela
Ela mora lá no vinte seis
Lado esquerdo do segundo andar
Mesmo lado do meu coração
Que está de plantão e pede pra entrar

Porteiro sei que estou errado
Mais to implorando pra falar com ela
A chuva não me incomoda
O frio não me faz desistir
Se caso não lhe convencer
Espero amanhecer até ela sair

O porteiro é por amor que eu estou aqui
Olha o desespero do meu coração
Já descarreguei meu telefone
Chama chama e ela não atende a ligação

Porteiro é por amor que eu estou aqui
Meu caso é complicado mais tem solução
Pra gente por um fim nessa novela
Interfone pra ela
Ou abra esse portão