Tô Na Balada
Teodoro e Sampaio

Aqui tem mulher bonita e cerveja gelada
Eu to na balada, eu to na balada
Solte o grito na garganta, bate o pé rapaziada
Eu tô na balada, eu to na balada
No meio dessa folia eu atravesso a madrugada
Eu tô na balada, eu to na balada
Eu tô na balada, eu to na balada

Passei a chave na porta do meu apê
Eu tô saindo eu vou dançar eu vou beber
Longe de casa passo três noites inteiras
Sexta, sábado e domingo, só volto segunda-feira

Fim de semana tenho que relaxar
Soltar nó na gravata e preciso respirar
Saio de casa sem hora pra voltar
Onde eu encontro carinho é ai que eu vou ficar