Pássaro Sobre O Cerrado
Tetê Espíndola

Pássaro sobre o cerrado
Sua vida suave sabe o canto
E o corte sem saber
Do veneno que pode com o vento
Minar seu alimento

Ser que voa pelo ar com sol
Acima de qualquer mal
Lembrando apenas
Viver vale a pena

Um pássaro em cerrado eu sinto
Alça voo consigo

Um pássaro sobre o cerrado
Sua desaparição não tem nada a ver
A não ser como agora
Para o sul na lonjura azul

Alça voo consigo

Um pássaro sobre o cerrado
Sua desaparição não tem nada a ver
A não ser como agora
Para o sul na lonjura azul

Na lonjura azul
Na lonjura azul