Beija-me
Thalía

Beija-me com calma e me fale com ternura
Beija-me com a alma dos que amam sem pensar
Beija-me com fogo, que me queima, que me cura
Faça com doçura mil promessas ao luar

Beija a minha boca e me lava com teu riso
E me deixa louca pois só quero te amar
Minha vida é pouca para dar-te
Pra esquecer-me se preciso
Pra seguir-te com sorriso
E esperar em nós voltar

Beijar os campos e as flores
Beijar as luzes e as cores
Beijar a chuva que resvala na vidraça

Joga bem longe o ciúme
E me envolve em teu perfume
Beija-me e diga com um grito que me ama

Beija a torrente de amores
Lançando fora seus temores
Beija meu rio até o encontro com o mar

Joga bem longe o ciúme
E me envolve teu perfume
Beija teu dia e tua noite
Teu segredo
O teu céu e o teu mar

Beija-me o rosto quando estiver dormindo
Beija minha pele como na primeira vez
Beijo abençoado, da tua fonte, do teu vale, do teu monte
Que enfeitiça e abençoa essa maneira de beijar

Beija os campos e as flores
Beija as luzes e as cores
Beija a chuva que resvala na vidraça
Joga bem longe o ciúme
E me envolve em teu perfume
Beija-me e diga com um grito que me ama

Beija o torrente de amores
Lançando fora seus temores
Beija meu rio até o encontro com o mar
Joga bem longe o ciúme
E me envolve em teu perfume
Beija teu dia e tua noite teu segredo
O teu céu e o teu mar
O teu céu e o teu mar