Chifronildo
Trio Parada Dura

Chifronildo recebeu de um amigo qualquer
Um alerta dizendo ter visto sua mulher
Bem vestida elegante com outro a desfilar
O homem se zangou pensou logo em flagrar.

O ouro falou alto vejam que confusão
- Ela não resistiu ao charme do Ricardão.

Pegou os dois no flagrante confirmou o adultério
Sacou a sua arma pensando num mistério
Ele não pede mais dinheiro pra comprar nada
Parece cada dia, mais bonita perfumada.

Sapatos diferentes roupa chique e importada,
Celular e pingentes, elegantes e bem cuidada.

Ooooooooooooh, que dureza,
Podem zombar e falar que sou matuto
Ooooooooooooh, que dureza,
Amor a três é coisa de maluco.

Os baixinhos frequentando o cursinho de capoeira
Ela só desfilando numa Cherokee vermelha
Viaja e faz planos, marca no calendário
Há mais de cinco anos, mal recebo salário.

Se for pra me ajudar não faço objeção
Deixo ela namorar o milionário Ricardão.

Chifronildo guarda a arma, coloca na cintura,
Seu espírito se acalma, se esquece da amargura
Deixe o casal feliz entre beijos e abraços
Agora está com tudo, tem um sócio no pedaço

Chego a conclusão pra não ficar por baixo
Diz pra todo mundo como é ele - eu sou o macho

Ooooooooooooh, que dureza,
Podem zombar e falar que sou matuto
Ooooooooooooh, que dureza,
Amor a três é coisa de maluco.