Quando Recordar o Passado
Trio Parada Dura

Quando essa voz que hoje canta
Calar na garganta e não mais cantar
Quando esse peito sentido
Que já está ferido, não, não mais aguentar
Então serei esquecido
Por todas que dizem que gostam de mim
Então viverei escondido
Num canto esquecido esperando meu fim

E todas que dizem me amar
Vão se afastar ao me ver cair
Ficarei bem distante de todos
Pra que muitos não riem de mim
Ninguém mais ouve as minhas canções
Essa voz que só fala de amor
Porque morrerá para sempre
No silêncio de um trovador

Já estou sentido o fracasso
Já sinto o cansaço dentro de mim
Pois minha voz já forçada
Só arranca risadas de lábios ruim
Todos que me aplaudiam
Agora sorriem ao me ouvir cantar
Senhor, não deixe eu sofrer
Eu quero dormir e jamais acordar

Quero morrer de uma vez
Para não sentir essa grande dor
O meu nome será relembrado
Na voz de alguns trovadores
Se o Senhor atender minha prece
Aos amigos eu faço um pedido
Para que eu leve meu pinho
Para meu derradeiro abrigo
Para que eu leve meu pinho
Para meu derradeiro abrigo