Ó Minha Líria (Baiano)
Umbanda

Ó minha líria,
Quando eu morrer.
As folhas que do rancho caem.
Aquelo abraço que eu te chorando,
Foi a despedida para nunca mais.
Me leva pra salvador, moreno,
Me leva pra salvador, moreno,
Me leva pra salvador, moreno.
Eu tenho medo de morrer,
E deixar o mundo.
Mas se eu morrer, meu mundo vai se acabar.
Aquelo abraço que eu te chorando,
Foi a despedida para nunca mais.
Me leva pra salvador, moreno,
Me leva pra salvador, moreno,
Me leva pra salvador, moreno.