Elas Por Elas
Zeca Baleiro

Com Cristina eu só vivia de propina
Com Marlene era tudo misancene
Pra Renata eu cantava pata-pata
Com Venância eu parti pra ignorância
Com concita eu fui explorar bauxita
Com Jurema eu morei em Ipanema
Com Estela eu só vivia na favela
Foi Teresa quem me fez virar a mesa

Elas só elas por elas
Elas só elas por elas
Agora é que são delas
Agora é que são belas

Por Luzia eu entrei pra academia
Com Alana dia e noite marijuana
Com Lolita só vivia na birita
Com Regina na base da vaselina
Ai Marluce foi a minha via crucis
Pra Domingas fiz dezenas de milongas
Com Larissa todo domingo ia à missa
Com Fátima a minha relação foi ótima

Elas só elas por elas
Elas só elas por elas
Agora é que são delas
Agora é que são belas

Com Letícia a vida era uma delícia
Pra Lúcia eu era um bicho de pelúcia
Com Suzana criei caso fui em cana
Cândida aquilo era uma bandida
Doralice era só disse-me disse
Rosemary me deixou com béri-béri
De Helena não sobrou nem uma pena
Com Bianca eu pirei quebrei a banca
Com Ísis eu tive muitas longas crises

Elas só elas por elas
Elas só elas por elas
Agora é que são delas
Agora é que são belas (hey, oh)