Onde Andará Iolanda
Zeca Baleiro

Onde Anda Iolanda
que entortou a minha vida
que calou meu violão
que escondeu minha bebida
que jurou botar veneno no meu prato de comida
que jurou botar veneno no meu prato de comida

iolanda tem defeitos mas respeita minha dor
fez um livro de receitas pra eu ser trabalhador
gosta de me dar conselhos mas meu samba não suporta
ai meu deus que a conserve bem longe da porta.

Onde Anda Iolanda
que entortou a minha vida
que calou meu violão
que escondeu minha bebida
que jurou botar veneno no meu prato de comida
que jurou botar veneno no meu prato de comida

Onde Anda Iolanda
Quero só saber com quem
Deus aguarde e tenha sorte de não ser com um joão ninguém
Eu embora não suporte tanta briga e tanta dor
Tomara que tenha sorte, tomara que tenha amor

Onde Anda Iolanda
que entortou a minha vida
que calou meu violão
que escondeu minha bebida
que jurou botar veneno no meu prato de comida
que jurou botar veneno no meu prato de comida