Jeito Moleque
Zeca Pagodinho

Quando eu me lembro
Dos meus tempos de criança
Jogo de botão ou de pelada
Cara suja da calçada
Calça curta e pé no chão
Vovó zangava quando eu não passava
Na lição
Mamãezinha punha de castigo
Se no tal ano letivo
Não mostrasse produção
Papai brigava e como dava sugestão
Moleque você tem que tomar jeito
Pois se não andar direito
Eu lhe meto o cinturão
E quando a noitinha
Ia chegando, pra caminha
caminhando
Eu cantava esse refrão
Embala eu babá
Embala eu
Embala eu babá
Embala eu